::Contas das prefeituras de Prata e São João do Cariri estão na pauta do TCE ::TCU aceita legalidade de contratação de advogados por inexigibilidade ::Veneziano agradece apoios pela conquista do 1º lugar para o Senado ::Bandidos roubam celular e moto de vítima no Cariri ::Ricardo Coutinho faz mudanças em cargos do governo ::Wellington vê tempos difíceis mas ainda acredita na vitória de Haddad ::Justiça Eleitoral divulga Carta à Nação Brasileira sobre urnas ::MP recomenda retirada de barracas e entulhos das vias públicas de Serra Branca ::Petrobras reduz preço de gasolina nas refinarias a partir desta terça-feira ::Fernando Haddad chama Bolsonaro de ‘soldadinho de araque’ Malves Supermercados

A partir deste sábado, candidato só pode ser preso em flagrante

(13/10/2018)
A partir deste sábado, candidato só pode ser preso em flagrante A partir deste sábado, candidato só pode ser preso em flagrante

Nenhum candidato que participará do segundo turno das eleições poderá ser detido ou preso, a partir deste sábado (13), a não ser em caso de flagrante delito. A regra, que restringe a prisão de candidatos nos 15 dias que antecedem as eleições, está no parágrafo 1º do artigo 236 da Lei nº 4.737/1965 do Código Eleitoral.

Disputarão o segundo turno, no dia 28 de outubro, os candidatos a presidente da República Jair Bolsonaro, da Coligação Brasil Acima de Tudo, Deus Acima de Todos (PSL/PRTB), e Fernando Haddad, da Coligação O Povo Feliz de Novo (PT/PC do B/PROS), além de 28 candidatos a governador em 13 estados e no Distrito Federal.

Em respeito a legislação eleitoral o CARIRI LIGADO não publicará os comentários dos leitores. O espaço para interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições 2018 se encerrem.