prefeitura
::Celulares desatualizados serão bloqueados na Paraíba ::I Pedal Beneficente em Prol do Hospital da FAP é realizado com sucesso em Boa Vista ::Lula ataca a Lava Jato e diz não ser pombo-correio para usar tornozeleira eletrônica ::Polícia detém oito suspeitos de tráfico de drogas em três cidades paraibanas ::Prefeito de Camalaú tem aprovação de 72,5% de sua gestão ::Divulgada programação musical da Festa do Padroeiro de São Sebastião do Umbuzeiro ::Toffoli nega pedido de Aras sobre dados sigilosos e desafia MP ::Adiada por duas vezes, Senado marca votação de PEC paralela ::EM MONTEIRO: 11º Batalhão de Polícia Militar completa 9 anos de sua ativação ::João Azevêdo transmite cargo para Lígia Feliciano Malves Supermercados

Adolescente que matou jovem sumeensse alegou que motivo foi vingança

(15/08/2014)

presosumeeVingança. Este foi o motivo alegado pelo adolescente de 17 anos para assassinar a comerciária Maria Eliane Pereira dos Anjos, de 25 anos, que morava numa rua projetada do conjunto habitacional da Caixa D’Água, na cidade de Sumé, no Cariri paraibano.

Para a polícia, o adolescente revelou que o motivo da vingança foi porque Eliane sempre lhe tratava como maconheiro e que, já havia adentrado na residência da comerciária e subtraído alguns objetos para trocar por droga. O adolescente, inclusive, é sobrinho do marido da jovem assassinada.

Segundo consta de informações do levantamento feito pela Polícia Militar de Monteiro, na manhã desta quinta-feira, 14, funcionários de um estabelecimento comercial onde a jovem trabalhava como vendedora não havia chegado para o expediente e resolveram ir a casa dela.

Por várias vezes os companheiros chamaram por Eliane e como ela não atendeu pediram para que o dono da loja fosse até o local e novamente chamaram pela jovem. Novamente não houve resposta e então a porta foi arrombada. A vendedora foi encontrada seminua, com perfurações no abdômen e antebraço e ainda um travesseiro no rosto e resolveram comunicar a polícia.

A guarnição da PM composta pelo 2º sargento Luan, cabo Fábio e soldado Dasayeve estiveram no local. Nos primeiros levantamentos os policiais perceberam marcas de pés no sangue espalhado da vítima indicando que o assassino pulou a janela do quarto saindo para o quintal onde havia um cachorro que, segundo vizinhos não latiu. No local também havia marcas de luta corporal.

Os policiais desconfiaram que o criminoso fosse alguém próximo a Eliane, pois não levantou suspeita dos vizinhos e, estranhamente o cachorro não latiu.

Iniciadas as investigações, os policiais militares e os agentes da Polícia Civil Baiano e Fábio ao abordar o jovem os policiais constataram arranhões no corpo dele que resolveu confessar o crime.

T. R. A., 17 anos, que é estudante e reside no mesmo conjunto, revelou que matou a jovem a facadas. Ele disse ter entrado no quarto pela janela lateral da casa, se escondeu e surpreendeu a vítima. As primeiras facadas, disse, foram no pescoço e tórax, mas negou ter praticado estupro com Eliane.

O acusado foi autuado em flagrante e vai responder procedimento especial. O crime causou muita revolta na população de Sumé.

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em Adolescente que matou jovem sumeensse alegou que motivo foi vingança