::Prefeitura de Monteiro emite mensagem de parabéns ao professor Rafael de Menezes ::Jovem é preso com réplica de arma em Monteiro ::Câmara aprova projeto de Cajo que selo “Empresa Amiga da Juventude” ::Sudene inclui 24 municípios paraibanos na sua área de abrangência ::Prefeitura de Sumé inicia pagamento de servidores do mês de novembro ::Gangue clona whatsapps e aplica golpes contra prefeitos paraibanos ::Pascar e Emater realizam Dia de Campo no Campus Sumé da UFCG ::As charges do dia… ::DER faz nova operação tapa buraco em 1.140 km de rodovias no Estado ::Liminar restabelece inscrição na OAB de ex-secretário da Prefeitura de Monteiro Malves Supermercados

TRANSPOSIÇÃO: Aesa diz que passagem molhada em Caraúbas não bloqueia passagem de água

(17/07/2017)
TRANSPOSIÇÃO: Aesa diz que passagem molhada em Caraúbas não bloqueia passagem de água TRANSPOSIÇÃO: Aesa diz que passagem molhada em Caraúbas não bloqueia passagem de água

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), João Fernandes, comentou sobre a denúncia de que o prefeito de Caraúbas, Cariri do Estado, teria bloqueado a passagem do rio Paraíba para que não chegue água ao Açude de Boqueirão. Em entrevista nesta segunda-feira, 17, João afirmou que já enviou equipes da Aesa para a cidade e que foi constada a construção de uma passagem molhada e que esta não impede a chegada de água em Boqueirão.

Porém, o gestor ressaltou que qualquer projeto desse tipo deve ser comunicado à Aesa, o que não aconteceu neste caso em específico, e que o órgão está tomando todas as providências para saber de esta obra foi bem executada.

João ponderou também que houve uma redução drástica na vazão das águas que chegam a Monteiro e que já notificou o Ministério da Integração.

– Fomos informados que estava sendo feita uma passagem molhada sobre o rio Paraíba em Caraúbas. Desloquei para lá uma equipe e pedi o apoio da Polícia Ambiental, onde foi feita toda documentação. O nosso engenheiro nos disse que a passagem molhada não está impedindo a passagem das águas do rio São Francisco. Se houver qualquer dano, a obra será removida. O que acontece é que houve uma diminuição na vazão que está chegando a Monteiro. Está chegando a Monteiro apenas 3,2 metros por segundo e nós já chegamos a receber 7,8 metros por segundo – comentou.

Fernandes ponderou também que a diminuição da vazão se deve à manutenção feita pelo Ministério dos canais e estações elevatórias da transposição.

Faça seu comentário



Possui atualmente : 1 comentário em TRANSPOSIÇÃO: Aesa diz que passagem molhada em Caraúbas não bloqueia passagem de água


  • ATÉ QUE FIM O GOVERNADOR VEM QUARTA INAUGURAR A ADULTORA DE COXIXOLA ÁGUA DO SÃO FRANCISCO PARA TODO O CARIRI ANTES TARDE QUE NUNCA