prefeitura
::Saiba quem é a namorada de Lula, a socióloga Rosângela da Silva, a ‘Janja’ ::3° Seminário de Educação Inclusiva reúne mais de 15 cidades do Cariri em Gurjão ::Festa do Bode Rei contará com sistema de monitoramento por câmeras e Delegacia Móvel ::Criminosos roubam carro e agridem proprietário no Cariri; veículo é localizado ::PREVIDÊNCIA: Governo quer estimular concorrência entre bancos na capitalização ::Ex-presidente Lula vai casar ::DEU NO BOIGA DO TIÃO: Chola, tocador, comprador de ovos, cachaceiro e agora personal ::Programação do São João de Taperoá, PB, tem Walkyria Santos e Sâmya Maia ::Banda Gente Boa lança EP gravado no Teatro Jansen Filho em Monteiro ::Desculpem o desabafo – Por Tião Lucena Malves Supermercados

BILAU QUE MATA: Bilionário morre em operação para aumentar o pênis

(11/03/2019)
BILAU QUE MATA: Bilionário morre em operação para aumentar o pênis BILAU QUE MATA: Bilionário morre em operação para aumentar o pênis

O bilionário Ehud Arye Laniado, conhecido por ser dono da Omega Diamonds, empresa de diamantes com base na Bélgica, morreu no sábado, 2, aos 65 anos, após se submeter a uma cirurgia de aumento peniano e sofrer uma parada cardiorrespiratória.

O empresário se internou em uma clínica localizada na icônica avenida Champs-Elysées, em Paris, e segundo dois funcionários da empresa, próximos a Laniano, morreu durante o procedimento.

A clínica em que a cirurgia ocorreu ainda tentou, de acordo com o jornal “Le Soir”, durante uma hora, realizar uma massagem cardíaca para reanimar o bilionário antes de chamar o serviço de emergência.

Em nota, a empresa confirmou a morte do empresário. “Depois de uma vida excepcional, Ehud será trazido de volta para Israell, seu destino final de descanso. Nós sentiremos sua falta”, diz o texto.

Conhecido por “se preocupar muito com as aparências”, segundo amigos que não quiseram se identificar informaram ao Daily Mail, o empresário mantinha uma cobertura avaliada em R$ 150 milhões em Mônaco e armava festas rodeado de celebridades e modelos.

Em vida, Laniado vendeu alguns dos diamantes mais caros da história. O mais famoso deles é o Blue Moon, leiloado por R$ 185 milhões, em 2015, para um empresário de Hong Kong, Joseph Lau Luen Hung.

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em BILAU QUE MATA: Bilionário morre em operação para aumentar o pênis