prefeitura
::IFPB de Monteiro abre seleção para professor substituto ::SBT exclui Paraíba do mapa em campanha publicitária sobre o NE ::João Azevêdo participa de reunião do Consórcio Nordeste em Natal ::Polícia prende homem e apreende armas, moto e mudas de maconha em Monteiro ::VINTE E CINCO ANOS DE SUCESSO ::Pleito da Prefeita Anna Lorena é atendido, e foco cirúrgico é instalado no Hospital Regional de Monteiro ::Prefeito, Vice e Presidente da Câmara participam da pega de boi dos Irmãos Pantel, em SSU ::Apesar de mudanças, valor da CNH não vai cair na Paraíba, diz sindicato ::Roberto Paulino revela que fechou com João Azevêdo ::Romário é condenado a pagar R$ 408 mil Malves Supermercados

Bolsonaro abre desfile de 7 setembro acompanhado do filho Carlos

(07/09/2019)
Bolsonaro abre desfile de 7 setembro acompanhado do filho Carlos Bolsonaro abre desfile de 7 setembro acompanhado do filho Carlos

Com o filho Carlos Bolsonaro sentado na parte de trás do Rolls Royce, repetindo a cena da posse, o presidente Jair Bolsonaro desfilou em carro aberto na Esplanada dos Ministérios na comemoração do 7 de Setembro. A primeira-dama Michelle Bolsonaro, de vestido amarelo, o esperou no palanque junto com a filha Laura, de 8 anos. No meio do desfile,  Bolsonaro quebrou o protocolo e desceu da tribuna acompanhado de ministros para cumprimentar o público.

No percurso até a tribuna de honra, o presidente convidou uma criança vestida com uma camisa da seleção brasileira, com o nome do jogador Neymar Jr., para se sentar ao lado dele. Os outros filhos do presidente, o senador Flávio Bolsonaro e o deputado Eduardo Bolsonaro também estavam na tribuna.

Na palanque presidencial, com capacidade para 200 pessoas, estão ainda o presidente do Senado, Davi Alcolumbre; ministros (Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, entre eles); deputados e personalidades como o empresário Luciano Hang, o apresentador Silvio Santos e o bispo Edir Macedo.

Inicialmente, o vice-presidente Hamilton Mourão, também presente, apareceu ladeando de Bolsonaro assim como a primeira-dama. Bolsonaro chegou a tirar Michelle do seu lado para dar espaço a Edir Macedo e Silvio Santos, acompanhados das mulheres. Minutos depois, a primeira-dama voltou ao lugar com a filha Laura.

Durante o desfile, Bolsonaro mudou de lugar na tribuna e se aproximou do ministro da Justiça,  Sergio Moro. Uma parte do público da arquibancada começou a gritar Moro. Em seguida, Bolsonaro saudou o público e foi chamado de mito. O presidente retribuiu apontando com os dedos para o céu.

Depois que o comandante militar do Planalto, Sérgio da Costa Negraes, posicionou um tanque diante do presidente e pediu autorização para iniciar o desfile, Bolsonaro foi ao microfone para autorizá-lo, usando um jargão do Exército:

— Selva! — declarou o presidente.

Uma parte do público que comparece ao desfile do 7 de Setembro na Esplanada dos Ministérios atendeu ao pedido de Bolsonaro e está vestida de verde e amarelo. Nas arquibancadas lotadas, onde cabem 20 mil pessoas, também é possível ver pessoas vestidas de preto, como parte do movimento que surgiu em reação ao pedido de Bolsonaro. Elas representam uma parcela reduzida do público. A maior parte das pessoas não está nem de amarelo, nem de verde e nem de preto. Veio assistir ao desfile como costuma fazer todos os anos.

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em Bolsonaro abre desfile de 7 setembro acompanhado do filho Carlos