prefeitura
::Prazo para pagamento do IPVA de placa com final 5 vence no dia 31 de maio ::OAB divulga resultado preliminar da 2ª fase do Exame de Ordem ::Prefeitura de Sumé e Sebrae planejam funcionamento do Shopping do município ::Prefeitura de SSU recebe kits de Higiene da Colgate para distribuir com a população ::Solteira, paraibana Lucy Alves posa sexy na cama ::Animais na pista provocam mais um acidente na região do Cariri ::Prefeitura de Sumé conclui serviço de aração de terras para agricultores do município ::Jovem sofre tentativa de homicídio no Cariri ::Maioria do STF vota pela criminalização da homofobia ::Guedes diz que reforma da Previdência deve ser aprovada em até 90 dias Malves Supermercados

Caririzeiro morre durante parto após ser agredida por marido no Rio de Janeiro

(06/03/2019)
Caririzeiro morre durante parto após ser agredida por marido no Rio de Janeiro Caririzeiro morre durante parto após ser agredida por marido no Rio de Janeiro

Maria Edjane de Lima, 35 anos, natural de Boqueirão, no Cariri paraibano,  morreu na madrugada dessa terça-feira (5) durante um parto prematuro de emergência após ser espancada pelo marido em Barra Mansa, no Sul do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Militar (PM), Maria Edjane deu entrada na tarde da segunda-feira (4) no Hospital da Mulher com sangramento vaginal e sinais de agressão, informando que foi chutada, inclusive na barriga, pelo companheiro, de 45 anos. Como o sangramento não cessou e ela apresentou descolamento de placenta, foi levada para o Centro Obstétrico para fazer a cirurgia.

Por volta de 17h40, o bebê, que é uma menina, nasceu de 27 semanas, menos de sete meses de gestação. Ele está internado na UTI Neonatal da unidade médica.

Durante o parto de emergência, a mulher apresentou problemas respiratórios, e foram realizados diversos procedimentos médicos para tentar reanimá-la, e também para conter a hemorragia, mas ela não resistiu e morreu às 01h30. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Volta Redonda, que vai apurar a causa da morte, e para confirmar também se houve relação do óbito com o fato dela ter sofrido agressão.

Edjane morou em Cabaceiras, João Pessoa e viajou para o Rio de Janeiro depois de conhecer pela internet o acusado de lhe espancar.

O homem acusado de agredir a companheiro teve a prisão preventiva decretada. O homem foi indiciado pelo crime de lesão corporal seguida de morte.

Blog do Bruno Lira

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em Caririzeiro morre durante parto após ser agredida por marido no Rio de Janeiro