::Reinaldo diz que Câmara de Cabaceiras encerrou atividades com ótima produtividade ::Com Feitosão lotado, Sítio do Meio é campeão da Copa Dr. Chico de Futebol Amador de Monteiro ::Ao lado de Lorena, Wellington Roberto cumpre agenda em Monteiro ::PREPARE O BOLSO: Água da transposição vai começar a ser cobrada em 2018 ::Barracos de acampamento de Sem Terras são incendiados no Cariri ::OAB-PB denuncia secretário que chutou cachorro no Cariri ::Dnit desativa radares de controle de velocidade em rodovias federais da PB ::Filho de juiz é preso acusado de realizar assaltos na orla de JP ::Boqueirão acumula recarga de 27,1 milhões de m³ após transposição ::As charges do dia… Malves Supermercados

Reinaldo diz que Câmara de Cabaceiras encerrou atividades com ótima produtividade

Banner Coringa Banner Coringa

Com Feitosão lotado, Sítio do Meio é campeão da Copa Dr. Chico de Futebol Amador de Monteiro

Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro Açude de Monteiro

O estádio Feitosão ficou completamente lotado na tarde deste domingo, 17, quando se enfrentaram as equipes do Barradão e Serra do Mocó para a disputa da terceira colocação e Aroeiras e Sítio do Meio para a disputa do primeiro título da I Copa Dr. Chico de Futebol Amador.

Na preliminar, a equipe do Barradão venceu a Serra do Mocó pelo placar de 4 x 1 e ficou com a terceira colocação, recebendo a premiação de R$ 2 mil, enquanto que a Serra do Mocó recebeu o prêmio de R$ 1 mil.

No intervalo entre a preliminar e a grande final, a prefeita Anna Lorena e o deputado federal Wellington Roberto anunciaram a entrega de 40 padrões de camisas para as equipes que disputaram a I Copa Dr. Chico de Futebol Amador e em seguida a Orquestra Sanfônica da UEPB regida pelo músico Claudio José, filho do cantor Dejinha de Monteiro, executaram o hino nacional acompanhado pela voz do cantor Osmando Silva.

Iniciada a segunda partida, o selecionado do Sítio do Meio empatou em 1 x 1 com a equipe da Aroeiras no tempo normal e ficou com o título de campeão após vencer nos pênaltis pelo placar de 9 x 8.

A prefeita Anna Lorena e o vice-prefeito Celecileno Alves estiveram presentes ao estádio Feitosão acompanhados do deputado federal Wellington Roberto, do deputado estadual João Henrique, dos secretários municipais e dos vereadores Bero de Bertino, Cajó Menezes, Raul Formiga, Toinho de Nequinho, Sargento Farias, Edilson Mendes (Courão), Nem de Júlia e Hélio Sandro.

Após o encerramento dos jogos a prefeita Anna Lorena entregou o troféu de campeão ao time do Sítio do Meio e um cheque no valor de R$ 4 mil. O vice-prefeito Celecileno Alves fez a entrega da taça ao vice-campeão e um cheque no valor de R$ 3 mil, o presidente da Câmara de Vereadores entregou o troféu ao terceiro colocado e um cheque de R$ 2 mil e o quarto colocado recebeu do secretário de Esportes Rostand Chaves um troféu e um cheque de R$ 1 mil.

Emocionada a prefeita Anna Lorena agradeceu a participação de todas as equipes e parabenizou-os pelo comportamento profissional e ético que tiveram durante toda a competição. Ela também destacou a atuação dos árbitros e de toda a equipe da Secretaria de Esportes, representada pelo secretário Rostand Chaves, bem como o apoio recebido da Polícia Militar que esteve presente ao estádio Feitosão.

Cada uma das quatro equipes que participaram da rodada final receberam 25 medalhas para cada um de seus atletas, e ainda foram premiados o jogador revelação, o melhor jogador, os melhores árbitros e a torcida mais animada da competição.

Iniciada no último mês de setembro, a I Copa Dr. Chico de Futebol Amador reuniu 40 equipes que foram distribuídas em oito chaves. A primeira fase do campeonato foi disputada nas comunidades rurais das equipes representadas, gerando uma grande movimentação na zona rural.

A partir das oitavas de finais os jogos passaram a ser disputados no Estádio Feitosão, que recebeu grandes melhorias por parte da gestão municipal, destacando entre elas a revitalização do gramado, recuperação de alambrados, banheiros e arquibancadas.

Foram quase quatro meses de disputas acirradas, camisas suadas e vozes roucas pelos gritos de gol que chegaram ao final neste domingo, dia 17, com investimentos superiores a R$ 10 mil, apenas nas premiações.

Ao lado de Lorena, Wellington Roberto cumpre agenda em Monteiro

Banner educação

PREPARE O BOLSO: Água da transposição vai começar a ser cobrada em 2018

Barracos de acampamento de Sem Terras são incendiados no Cariri

OAB-PB denuncia secretário que chutou cachorro no Cariri

Dnit desativa radares de controle de velocidade em rodovias federais da PB

Banner Câmara

Filho de juiz é preso acusado de realizar assaltos na orla de JP

Boqueirão acumula recarga de 27,1 milhões de m³ após transposição

As charges do dia...

Prefeita Anna Lorena recebe Diploma de Destaque Administrativo 2017

Banner Ecos TV

Rômulo retorna ao Brasil após encontros com família real e empresários no Japão

Moradores dо іntеrіоr рrосеѕѕаm vіzіnhоѕ fоfоquеіrоѕ e gаnhаm іndеnіzаçõеѕ

Polícia Civil prende acusado de participar de homicídio no Cariri

Van com sacoleiros é assaltada no Cariri

Banner Prata

Verão deve registrar período de chuva normal, diz meteorologista

Dilma cogita disputar vaga no Senado pelo Piauí

‘Onde Nascem Os Fortes’ finaliza 1ª etapa no Cariri

Açude de Monteiro Açude de Monteiro

Após o período de 2 meses de gravações contínuas, a equipe da supersérie “Onde Nascem Os Fortes” (Rede Globo), filma as últimas cenas da primeira etapa do projeto e despede-se temporariamente nesse sábado (16), de Cabaceiras, no Cariri Paraibano.

Agora, a equipe vai gravar um novo momento da trama na capital pernambucana, Recife, e depois seguirá para os estúdios do Projac, no Rio de Janeiro.

Com cenas no Lajedo Manoel de Sousa, ponto turístico cabaceirense, técnicos e atores finalizam um longo trabalho no Cariri.

“Sou suspeito de falar, mas os resultados estão emocionando muito. Não é de mentira, é a mais pura verdade, é o pessoal falando de verdade, vivendo como eles falam e eu acho que eles estão curtindo também estarem ali”, frisou Lamartine Ferreira, assistente de direção.

O retorno da equipe da superserie ao Cariri Paraibano será dia 21 de fevereiro e promete ainda mais movimento, já que terão duas frentes de gravação. O diretor geral, José Luiz Villamarim, expressou satisfação em estar realizando esse trabalho no Cariri.

“Felizmente eu escolhi essa região para filmar, a qual tem características super especiais, eu diria até que Cabaceiras é um personagem de ‘Onde Nascem os Fortes’”.

De acordo com a diretora do Turismo de Cabaceiras, Mariana Castro, todo o esforço valeu a pena. “Dias de muito sol, poeira e cansaço, mas também de muito aprendizado, de ambos os lados. O importante mesmo é ver os profissionais amando o trabalho que está surgindo e enchendo de orgulho a todos nós”.

Supersérie ‘Onde Nascem Os Fortes’ traz Fabio Assunção de volta ao drama

Pelas estradas de terra que ligam as cidades da região chamada de Cariri Paraibano, no interior do Estado, circulam democraticamente carros, cavalos, motos. A trilha sonora regional é cortejada, o que não impede que os sucessos radiofônicos sejam ouvidos por todo canto. É esse o Nordeste contemporâneo que o autor George Moura não só desejava como cenário, mas também que se tornasse elemento fundamental de sua supersérie Onde Nascem Os Fortes, que tem previsão de estrear na Globo em abril. O sertão é um personagem mesmo, assinala o diretor artístico José Luiz Villamarim. “Tudo está nesse lugar: os silêncios, o tempo, o calor, a poeira, a solidão”, diz. “Para contar essa história, a gente tinha de vir para cá, tinha que ficar aqui. Esse projeto parte desse pressuposto”, completa ele, que está há três meses imerso com sua equipe no local.

E, para Villamarim, conhecer o Lajedo de Pai Mateus, uma impressionante elevação rochosa situada em Cabaceiras – que destoa de todo aquele cenário de terra e plantas secas do entorno -, foi decisivo para ele entender o personagem Samir (Irandhir Santos), uma espécie de líder religioso da cidade fictícia Sertão que carrega a essência do sincretismo. A equipe da supersérie fez um trabalho primoroso de intervenção no Lajedo: integrado a grandes pedras, o reduto de Samir foi construído com galhos de PVC, que reproduzem fielmente um tipo de ramo da região.

Em Onde Nascem Os Fortes, George, Villamarim e o diretor Walter Carvalho voltam a trabalhar juntos. Essa parceria já rendeu importantes trabalhos, em O Canto da Sereia, Amores Roubados e O Rebu, e, pelas cenas gravadas às quais a reportagem assistiu, a supersérie promete ser outra produção de tirar o fôlego com a assinatura do trio. “Eu queria contar uma história que fosse uma história de paixões. A paixão cria o amor, mas cria também, às vezes, o ódio, e diante do ódio, só tem uma saída, que é o perdão. Então, temos histórias de paixões, que criam o amor, que criam ódio, e nos empurram para o perdão”, conceitua George, que escreve a supersérie com Sergio Goldenberg.

Na trama, os irmãos gêmeos Maria (Alice Wegmann) e Nonato (Marco Pigossi) viajam para Sertão, onde a mãe deles, a engenheira química Cássia (Patricia Pillar), nasceu e saiu de lá para estudar no Recife. Contra a vontade dela, os dois partem para a cidade à procura de novas trilhas de bicicleta. E, ao chegarem lá, suas vidas vão ser abaladas para sempre. Maria se apaixona por Hermano (Gabriel Leone), filho de Rosinete (Debora Bloch) e Pedro Gouveia (Alexandre Nero), dono da maior fábrica de bentonita da região – e uma atualização da velha figura do coronel. Já Nonato, após flertar com a amante de Pedro, Joana (Maeve Jinkings), some misteriosamente.

É a partir desse ponto que se inicia a trajetória de todos os personagens, que, de uma maneira ou outra, vão ser afetados por esse mistério – e vão ser revelados em suas camadas mais profundas. Cássia se vê obrigada a voltar a Sertão para ajudar a filha na busca por Nonato. Por causa das circunstâncias que antecederam o sumiço do rapaz, Pedro acaba se tornando o suspeito número 1 aos olhos de Maria. Mas ela mexe com a pessoa errada.

Pedro também é o homem que ajuda Cássia quando ela chega à cidade, e, mais adiante, insinua-se um triângulo amoroso entre ela, Pedro e o juiz Ramiro (Fabio Assunção), o homem que se mostra prestativo na busca de Cássia pelo filho desaparecido, mas tem interesses escusos nessa história. “Ele é o poder da cidade, é o cara da lei: não as leis maiores, mas o poder de arquivar um processo, manipular uma prova”, descreve Fabio Assunção (leia entrevista com ele abaixo). A supersérie marca a volta do ator ao drama, após cerca de cinco anos emendando comédias românticas. Quase irreconhecível com barba e cabelo grisalhos, Fabio, em cena, aparecerá sempre em figurinos de linho, numa inspiração visual à Ariano Suassuna. Ao que tudo indica, deve ser um dos grandes papéis da carreira do ator.

No dia 9, Fabio, assim como Patricia, voltou à Paraíba para mais gravações. Na cidade de Soledade, os dois fizeram algumas cenas juntos. Em uma delas, Cássia, acompanhada pelo juiz, entra num bar, onde fica revoltada ao encontrar um cartaz que oferece recompensa para quem localizar sua filha, Maria – e não daremos aqui mais nenhum detalhe sobre o motivo de ela estar foragida. Em outra cena, os dois estão dentro do carro, e, do lado de fora, uma nuvem de poeira os envolve. A poeira, aliás, acaba criando a estética da supersérie. A poeira das estradas de terra, a poeira que flutua na fábrica de bentonita – e que encobrem o povo de Sertão e seus segredos.

OLHO VIVO - Por Simorion Matos

WELLINGTON ROBERTO EM MONTEIRO

O deputado federal Wellington Roberto está em Monteiro neste domingo, 17, devendo ser recebido por várias lideranças políticas. Ele participa de um grandioso evento esportivo e fará visitas a comunidades, ao lado de vereadores.

Ao longo dos anos, Wellington Roberto tem destinado várias emendas para o Município de Monteiro e para este ano de 2018 tem emendas para o Estádio Feitosão, Unidade de Saúde e para obras de infraestrutura na cidade e zona rural, atendendo pedidos da prefeita Anna Lorena.

Embora não tenha ocorrido qualquer anúncio oficial, há informações de que, pelas avaliações, pelo menos 5 vereadores de Monteiro devem apoiar a reeleição de Wellington Roberto.

PRODUÇÃO LEGISLATIVA

A Câmara Municipal de Monteiro encerrou o período legislativo 2017 registrando ao longo do ano uma proveitosa movimentação por parte de todos os vereadores. O presidente Givalbério Ferreira conseguiu concluir toda a pauta e os parlamentares, tanto da situação quanto da oposição, atuaram cumprindo rigorosamente o Regimento Interno da Casa José Ferreira Tomé.

JORNALISTA E ADVOGADO

Mais um caririzeiro conquista espaço significativo na vida profissional, honrando a sua terra e sendo motivo de orgulho para a família e de alegria para os amigos.

O jornalista Geordie Filho (Geordinho), diretor do Cariri Ligado, um dos blogs mais acessados da Paraíba e leitura diária obrigatória de milhares de internautas no mundo inteiro, agora é também ADVOGADO, conquistando recentemente o registro junto à OAB-PB.

Uma vitória de um monteirense que se dividiu entre Monteiro e a Capital para realizar um sonho. O neto de João de Deus (João Boneco), agora jornalista e advogado, com certeza continuará fazendo muito por sua terra.

AÇÃO SOCIAL NO RÁDIO

A diretora do Grupo João Henrique, Edna Henrique, comanda uma ação social desenvolvida pela Rádio IND FM em Serra Branca. A movimentação ocorreu durante toda primeira quinzena de dezembro e foram arrecadados alimentos não perecíveis, trocados por cartelas de um bingo com prêmios valiosos, realizado neste domingo, 17, em frente à emissora. Voluntárias do Clube de Mães de Monteiro colaboraram na organização do evento e os alimentos arrecadados serão doados a famílias carentes.

CIDADE ILUMINADA

A decoração natalina de Monteiro está belíssima, enchendo os olhos da população e dos visitantes. A prefeita Anna Lorena caprichou e os monteirenses que vierem passar com as famílias as festas de natal e ano novo certamente levarão a melhor imagem da terrinha.

CONFRATERNIZAÇÃO

O provedor de internet que mais tem crescido na região, Cariri Web, realizou na semana passada, em Sumé, a sua confraternização anual, comemorando os bons resultados. O encontro reuniu os funcionários dos escritórios de Sumé, Serra Branca e Monteiro.

MUDANÇAS NA POLÍTICA

Parece que o professor Gomes mudou de plano para as eleições de 2018. Em vez de ser candidato a Presidente da República, poderá disputar uma cadeira no Senado Federal.

PENSAMENTO DA SEMANA

“Por mais que exista um sorriso, por traz dele sempre haverá uma lágrima esperando a hora certa para cair”.

(Ketteri)

Contatos com a coluna: simorionmatos@gmail.com

Alckmin assegura punição a Pedro Cunha Lima e demais que votarem contra reforma

[+]   POSTAGENS