prefeitura
::Bolsonaro deve ir a Sertânia-PE no próximo dia 1º de outubro ::Sumé registra 15 casos positivos de coronavírus e 1 óbito nesta terça-feira ::Área com seca na PB aumenta mais de 20% em agosto, diz ANA ::Secretaria Municipal de Saúde de Monteiro informa sobre 03 novos casos de Covid ::Profissionais de saúde e segurança devem ser os primeiros a tomar a vacina contra covid-19 na PB, decide comissão da ALPB ::Registros de queimadas na Paraíba aumentam 21% este ano em relação ao ano passado ::TJPB mantém condenação de ex-prefeito do Cariri por irregularidades em obra de UBS ::Detran-PB leiloa 1.260 veículos pela internet em outubro ::João assina ordens de serviço e autoriza obra de adequação do abatedouro de Monteiro ::Em Serra Branca: Justiça Eleitoral rejeita denúncia de Souzinha contra Flávio Torreão Malves Supermercados

COLUNA CARIRI – Por Geordie Filho

(16/05/2020)

CRISE NO GOVERNO

O presidente Bolsonaro segue dando tiro no pé, um atrás do outro. Após perder os ministros Sérgio Môro e Mandetta, perdeu agora o da Saúde, Teich, que estava há menos de um mês à frente da pasta. Dizem que ele não cedeu à pressão de Bolsonaro para avalizar o uso da cloroquina contra o coronavírus, já que o medicamento não teve sua eficácia comprovada. Em resumo, entre obedecer às ordens do capitão e não rasgar seu diploma de médico, ele optou pela segunda opção. Uma coisa é certa, Bolsonaro afunda cada vez mais e perde seguidores numa velocidade jamais vista no país.

DEPOIS DA QUEDA, O COICE

E para fechar o dia de Bolsonaro, eis que o ministro Celso de Mello, do STF, determinou que o presidente seja comunicado de que um grupo de advogados apresentou uma ação à Corte com o objetivo de obrigar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, a analisar um pedido de impeachment. A justificativa da denúncia é por crime de responsabilidade – pela Constituição, cabe à Câmara autorizar o procedimento para verificar se houve crime do presidente.

TCE TÁ DE OLHO

Doido para pegar no flagra prefeitos e demais gestores públicos durante o período eleitoral, por conta de proibições e restrições, o Tribunal de Contas do Estado atualizou uma cartilha acerca do final de mandato. O documento detalha que no último ano de mandato, impõem-se restrições com vistas a evitar o mau uso de recursos públicos em proveito próprio ou de terceiros, em detrimento do interesse da coletividade.

ORGULHO MONTEIRENSE

O monteirense Paulo Almeida (cabeção da Casa Progresso) e sua esposa Lurdinha, estão mais felizes que pinto no lixo. Viram sua filha, Aninha, colar grau no curso de medicina. Lembro como se hoje fosse, Paulo e Lurdinha orgulhosos desde que Aninha foi aprovada para o curso. A batalha foi longa, mas tudo correu conforme planejado. Sem dúvidas, a Paraíba ganha uma grande profissional justamente no momento mais delicado e necessitado de bons médicos diante do Covid-19.

TEM QUE RESPEITAR

O Cariri conta com uma organizada unidade prisional, a Cadeia Pública de Monteiro. O diretor Alexandre Macêdo e toda sua equipe, vem fazendo um trabalho excepcional à frente da unidade. Mesmo diante da pandemia que nos atinge, a cadeia é referência a nível nacional, e além de priorizar o trabalho preventivo e de segurança, agora segue à risca as normas de saúde recomendadas pelos especialistas em saúde.

OS AVENTUREIROS

Eleição é coisa séria, mas sempre que chega o período, os aventureiros de plantão aparecem para tentar passar uma imagem de ‘santos’, quando na verdade querem mesmo é tirar proveito do erário. A maioria não sabe nem o que é erário, mas o cobiça mesmo sem saber. Nosso Cariri está cheio de pretensos pré-candidatos alegando que o povo precisa disso e daquilo, que irão mover mundos e fundos para melhorar a vida da população, quando na verdade estão pensando no próprio bolso. Preste atenção nesse tipo de gente para não se arrepender depois.

TEMPO BOM

Hoje estou saudoso lembrando de Monteiro, que hoje tem de tudo, mas antigamente era melhor ainda. Lembro de muita coisa do antes e depois que marcou para muita gente. O bar da catrevagem marcou época, era feijão verde com carne de sol, cerveja gelada e boa proza com Nino Cocão. Mais ainda o Vem K Beber, Chico do Corêto, a bodega de Mariano, a galinha de capoeira de Ailton na Extrema, a Tukaia de Ronaldo, Carlos do picolé, a Meia Pataca, o Bar de Abel de Rú, o bar de Seu Adjar Andrade, Toinho de Santú dando rasante em seu teco-teco, cortar o cabelo em Zé Coió e em Magiver, os telefones da Telpa, Cabaré de Sandra (dizem que era o reisss), as vaquejadas do Chutão e do Galvão, o Bar do Créu, Pedro Jararaca, o Grande Hotel, Apolônio Anastácio passando pelos quebra-molas a 100 km por hora, a sinuca de Pinincha, o bar de Tota Doido, as festas no Clube Municipal, o Arraiá Zé Marcolino, a picanha de Pôna e Carminha, o espetinho de Irandir, o café da manhã lá em Conrado, Simorion na Rádio Santa Maria, João Boneco na Honda 88, Dona Dulce Gouveia, Seba Bité e Jovelina.

PRA DESCONTRAIR

Momento de Crise

– Mãe, o que temos pra comer?

– Nada, meu filho!

– E por que não compramos?

– Acabou o dinheiro.

– Então mãe, por que não comemos o papagaio com arroz?

– Porque não tem arroz, meu filho!

– E papagaio ao forno?

– Não tem gás!

– E papagaio no grelhador elétrico?

– Cortaram a luz, filho!

O papagaio não aguenta e grita:

– Ôôô governo bom!

PICADINHAS…

São João tá chegando. Sem festa de rua vai ser ruim demais. Vai ser o jeito encher o isonor e beber até cair, no colchão de casa.

O Governo Federal insiste em dizer que o coronavírus é normal, natural, e que não é para tanto alarde. Ah se Lampião fosse vivo!

Tentaram queimar o filme de Geoge Aquino, em São João do Cariri, mas quebraram a cara. O homi tá ainda mais forte e incomodando a turma que mama da muda.

Ouro Velho é uma cidade de sorte. Pegou uma administração boa, que fez desenvolver a cidade. A única perda que teve foi a partida precoce de Rômulo Gouveia.

Falando em Ouro Velho, o ex-prefeito Inácio Júnior parece ter abandonado a política e abraçou de volta o ramo empresarial, onde tudo começou.

Como diz Sady Falcão: “uma palma de salva”.

Em Zabelê a oposição deve mais uma vez morrer na metade do caminho. Dalyson Neves segue junto e misturado com o grupo de Lucivaldo Vaz.

E o racha no Congo é grande.

Estão querendo impichar Bolsonaro.

E tem gente achando bom porque um general assumiu o Ministério da Saúde. Depois não diga que avisei.

Lá na Prata, Valmir Veras disse que está seguindo à risca a recomendação das autoridades. É álcool 70% nas mãos e álcool 40% no bucho.

Coronavírus chegou com gosto de gás no Cariri. Quase todas as cidades têm casos registrados.

Essa campanha eleitoral será um Deus nos acuda. Muito candidato não pode se expor ao risco do corona, mas para disputar eleição precisa ir até os eleitores.

Hoje é dia de buchada no Bar de Mauro. A melhor da Paraíba.

Hoje também é dia de espetinho de Zé Catôta, em Sumé. O peido avôa!

Sandro Môco ganhou novo apelido em Camalaú: ‘Lula do Cariri’.

Juazeirinho com toque de recolher para combater o Covid. Tem boquinha não!

Cidade do Congo sempre colheu bons frutos por ser vizinha ao Pernambuco. Mas, hoje, é alvo de casos e mais casos do Covid por conta dessa proximidade.

Faça seu comentário



Possui atualmente : 2 comentários em COLUNA CARIRI – Por Geordie Filho


  • GEORDIE, JÁ QUE AS FOTOS E A SERRA SE ACABARAM, VOCÊ CONTA AS HISTORIAS, MAIS VEIA DO QUE A SERRA OU TEMPO BOM…NAS DOMINGUEIRAS

  • Pelo andar da carruagem, somente o papagaio e quem vai achar que esse governo é bom mesmo!