prefeitura
::Após quase 15 anos, Cícero Lucena é absolvido na Operação Confraria ::​Bolsonaro anuncia saída do PSL e confirma partido Aliança pelo Brasil ::Alcolumbre deve consultar líderes sobre nova Constituinte ::AMCAP reunirá prefeitos e vereadores do Cariri para tratar sobre a PEC que propõe extinção dos municípios ::Deputados da PB e de PE se reúnem para traçar ações conjuntas em relação às obras da transposição ::Monteirenses se destacam em evento sobre computação no Distrito Federal ::Aos navegantes… ::SECA: Monteiro implanta maior programa de recuperação de poços da história do município ::Lula se diz feliz com volta da Transposição ::Justiça mantém Ivan Burity em prisão preventiva Malves Supermercados

Edvaldo Rosas diz que Cássio levará surra de votos de Ricardo

(19/05/2014)
Edvaldo Rosas diz que Cássio levará surra de votos de Ricardo Edvaldo Rosas diz que Cássio levará surra de votos de Ricardo

O presidente estadual do PSB na Paraíba, Edvaldo Rosas, criticou severamente o senador Cássio Cunha Lima na noite desta segunda-feira (19), durante encontro do partido, realizado no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil, em João Pessoa. O encontro tinha por objetivo traçar as estratégias dos socialistas para a disputa de outubro e definir como se dará a visita do presidenciável Eduardo Campos a capital na próxima quarta-feira (21), mas o que acabou roubando a cena mesmo foi o discurso agressivo de Edvaldo Rosas contra o senador e pré-candidato a governador, Cássio Cunha Lima (PSDB).

Para uma plateia de socialistas, Edvaldo Rosas chamou Cássio de “burro” e previu que o senador tucano vai levar uma surra de votos nas eleições.Rosas disse que Cássio acha que o povo vai cair na conversa e votar nele, que está formando uma chapa caseira, só com integrantes da família, ao citar as postulações do deputado Ruy Carneiro (PSDB) ao cargo de vice-governador, e do advogado e filho do senador, Pedro Cunha Lima (PSDB), a deputado federal. “Nenhum partido vai ficar com ele, só o PMN mesmo que acabou de anunciar apoio, mas que sequer tem tempo de televisão”, ironizou o socialista.

O presidente do PSB disse que o senador Cássio já começa a registrar as primeiras perdas, e citou o ex-prefeito Luciano Agra, do PEN, e o vice-prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira (PPS) como exemplos. “Ele já perdeu Agra por que não o quer na vice, perdeu também o PPS e agora vai perder o PEN”, profetizou.

Edvaldo Rosas não economizou na ofensiva e ainda disse que Cássio não será candidato porque é “ficha-suja”. Para Rosas, o candidato será o vice-prefeito de Campina Grande, Ronaldo Cunha Lima Filho.

Bastante incisivo, Edvaldo Rosas revelou possuir pesquisas de consumo interno do partido que atestam que o senador está perdendo pontos junto ao eleitorado paraibano. “Ele está caindo mais do que tomate na feira, vai perder as eleições porque nós daremos uma surra de votos nele”, discursou.

Sem fazer reservas, Edvaldo Rosas disse que o plano de Cássio era permanecer o máximo de tempo possível no governo para depois anunciar o rompimento. “Ele queria dar uma de esperto e ficar com os cargos até o dia 30 de junho para depois romper”, arrematou.

MaisPB

Faça seu comentário



Possui atualmente : 2 comentários em Edvaldo Rosas diz que Cássio levará surra de votos de Ricardo


  • O QUE ELE VAI FALAR A RICARDO SE RICARDO PERDER A ELEIÇÃO ? QUE A CAUSA NÃO FOI SUA FORMA DE SE DIRIGIR AOS ELEITORES DE RICARDO MOSTRANDO UMA GRANDE CONFIANÇA ? OU ATÉ MESMO O JÁ GANHOU !

  • VERBORRAGIA VIOLENTA: Pense num cidadão gente fina esse Sr. Edvaldo Rosas! Ventriloquo juramentado do mago, ele talvez ache que violência é apenas tiro e facada nas páginas policiais. Fala sério gente! Esse linguajar dele não é de um verdadeiro diplomata? Mas só que é um linguajar no estado daquele antigo carro Diplomata da GM, fora de linha e na sucata. Kkk Ele parece do tipo que não sei, que pensa que é, mesmo sem nunca ter sido, mas que também nunca será. Porque até a concessão de milagres têm limites. Essa boca suja fala mal agora, mas outrora se misturou com o dito cujo ficha-suja. Parte da população ainda é boba, porque também ainda muito desinformada. Contudo, por certo, em 2014 nada do que foi será. O fim da reeleição será algo decretado antecipadamente pelo próprio voto popular. Esta é uma das bandeiras de luta do povo que estará circulando nas redes sociais este ano. Ninguém é tão bom ou tão ruim que não possa ser defenestrado a tempo e modo.