prefeitura
::Inicia nova fase da Campanha contra a Gripe em todo o país, nesta segunda-feira ::Com chuvas no Cariri, açude de Taperoá fica próximo de sangrar ::Incêndio atinge prédio com arquivos de prefeitura da PB ::Ex-prefeito de Soledade comenta ruptura com o atual gestor ::Efigênio Moura lança o seu mais novo livro na cidade de Monteiro ::Flamengo repete placar sobre Vasco no Maracanã e conquista o título Carioca ::UM POUCO DA HISTÓRIA DO JEITO COMO EU CONTO – Por Ramalho Leite ::Assessoria jurídica do deputado João Henrique desmente e rechaça acusações da comunicação da Prefeitura de Monteiro ::Polícia prende acusado de tentativa de homicídio no Cariri ::Neta de Pinto do Acordeon é vítima de racismo e agressão física em JP Malves Supermercados

Famup repudia ameaça de morte a prefeito

(19/01/2019)
Famup repudia ameaça de morte a prefeito Famup repudia ameaça de morte a prefeito

O presidente da Federação das Associações dos Municípios da Paraíba (Famup) e prefeito de Sobrado, George Coelho (PSB), anunciou, nesta sexta-feira (18), que a entidade vai acionar a Justiça contra as ameças de morte sofridas pelo prefeito de São Mamede, Umberto Jefferson de Morais (DEM).

Coelho afirmou que a Famup vai dialogar com o setor jurídico do município para que as providências sejam tomadas em relação ao caso.

“Sabemos das dificuldades que enfrentam todos os gestores, mas ameça não resolve nada, é crime. Por isso, o setor jurídico da Famup, juntamente com a Prefeitura de São Mamede, vai tomar as medidas necessárias e cabíveis relativas a esse caso, inclusive lavando à Justiça”, disse.

Coelho lamentou o ocorrido e saiu em defesa dos prefeitos paraibanos. “Eu enxergo com muita tristeza tudo isso. É algo inadmissível, perante o que vem passando os prefeitos. Os gestores não perecem desse tipo de ameaça, até porque são pessoas de bem, que estão querendo fazer o bem em prol dos municípios”, afirmou.

Prefeito ameaçado de morte

O prefeito de São Mamede, Umberto Jefferson de Morais (DEM), acionou a Polícia Civil após receber várias ameaças de morte em suas redes sociais.

Conforme o boletim de ocorrência registrado pelo prefeito, as ameaças partiram de um home identificado como Carlos Daniel. O suspeito afirmou que “não adiantava colocar seguranças ou alarmes” porque o prefeito seria assassinado de qualquer jeito.

O prefeito acredita que as ameaças estão relacionados ao trabalho que desenvolve no Executivo municipal, com cortes de privilégios.

Ele também ressaltou que há meses vem recebendo ataques pessoais, mas permaneceu em silêncio apesar de ter adotado as medidas judiciais cabíveis em casos de calúnia e difamação.

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em Famup repudia ameaça de morte a prefeito