prefeitura
::Monteirense Anniele Maracajá é destaque da Revista Sexy do mês de maio ::Bode na Rua 2019 será lançado no próximo sábado, em Gurjão ::Bandidos invadem residência e levam objetos e carro em cidade do Cariri ::IFPB de Monteiro oferece 20 vagas para Curso Técnico em Instrumento Musical ::Conselheiro do TCE-PB é alvo de nova fase da Operação Xeque-Mate ::Polícia desarticula quadrilha envolvida em tráfico de drogas em Juazeirinho ::Câmara de Monteiro recebe abertura da 7ª Semana de Enfermagem de Monteiro ::Agrovila começam a receber água 2 anos após retirada de terras para transposição ::Duas agências bancárias são explodidas na madrugada, na Paraíba ::Governo recua e publica novo decreto sobre armas Malves Supermercados

Governador anuncia Patrulha Maria da Penha e Centro de Referência no Cariri

(09/03/2019)
Governador anuncia Patrulha Maria da Penha e Centro de Referência no Cariri Governador anuncia Patrulha Maria da Penha e Centro de Referência no Cariri

A criação da patrulha ‘Maria da Penha’ e de um Centro de Referência da Mulher no Cariri vai aprimorar e fazer a Paraíba avançar nas políticas públicas em favor das mulheres, afirmou o governador João Azevêdo (PSB) nesta sexta-feira (08). Os dois equipamentos foram lançados hoje pelo gestor durante solenidade em alusão do Dia Internacional da Mulher.

“Temos consciência dos avanços nos últimos anos e mantemos firmes a posição do estado enquanto ao apoio deste segmento, que com a Secretaria também envolve o grupo LGBT, a comunidade negra, os quilombolas e os índios”, explica.

Ainda no evento, o governador também lançou o calendário com mais de 50 ações alusivas ao Dia Internacional da Mulher. Segundo ele, o projeto tem apoio de diversos órgãos, entre Polícias e Secretarias. “Só dessa forma, coletivamente pensando, vamos crescer nessas políticas de proteção das mulheres”, analisa.

A ronda começará em 27 municípios paraibanos. A secretária de Estado da Mulher e da Diversidade Humana, Gilberta Santos Soares, acredita que a patrulha vai trazer ainda mais segurança para as mulheres que têm medida protetiva e fará com que agressores percebam que elas não estão sozinhas, mas contarão com o apoio do Estado.

“Quando as mulheres denunciarem e solicitarem medida protetiva, a coordenação das Delegacias da Mulher vai informar uma equipe da Secretaria da Mulher, na área psicossocial e jurídica que vai contatar a mulher, saber se ela quer receber essa acompanhamento, além de conversar e dar apoio para que ela se sinta apoiada”, explica.

O projeto começará por João Pessoa e região metropolitana e deve passar ainda por algumas formatações. A data de início, segundo Gilberta, ainda vai ser definida.

O presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, Márcio Murilo, defende a participação do TJ no combate à violência: “O judiciário é o órgão que julga, que prende, que solta, que executa as penas. Nós temos polo ativo, direto, que funciona na integração entre os poderes”, pontua.

Faça seu comentário



Possui atualmente : 1 comentário em Governador anuncia Patrulha Maria da Penha e Centro de Referência no Cariri


  • A PRIORIDADE DEVE SER AMPLIADA:

    – ASSASSINATOS
    – AGRESSÕES
    – VIAS DE FATO… são rotinas imprevisível!
    … CRIMES PATRIMONIAIS DEVERIA SER FOCO, É PREVISÍVEL