::Homem é preso acusado de estupro de vulnerável, em Barra de São Miguel ::Inscrições para concurso de São João do Cariri termina neste domingo ::Cássio diz que geração de emprego é prioridade absoluta ::Hulk compra casa de show Domus Hall, em João Pessoa ::Lojas C&A lança comercial gravado no Lajedo de Pai Mateus, em Cabaceiras ::Alcymar Monteiro é 3ª atração confirmada no X Festival do Mel ::Criminosos assaltam duas mulheres e levam moto e celulares em Taperoá ::Dia D de vacinação contra sarampo e pólio será neste sábado em Sumé ::Prefeita de Monteiro formaliza apoio à candidatura de Veneziano Vital ::Geraldo Alckimin não tem previsão de vir à PB durante a campanha Malves Supermercados

Lula recebe rosário do Papa Francisco

(11/06/2018)
Lula recebe rosário do Papa Francisco Lula recebe rosário do Papa Francisco

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu nesta segunda-feira (11) um rosário enviado pelo papa Francisco. O terço foi encaminhado a Lula pelo advogado argentino Juan Grabois, consultor do Pontifício Conselho Justiça e Paz da Santa Sé.

Grabois tentou visitar o ex-presidente na Superintendência da PF (Polícia Federal) em Curitiba, onde Lula está preso desde o dia 7 de abril, na tarde desta segunda. Segundo ele, no entanto, sua entrada foi impedida por autoridades da PF, que argumentaram que o consultor não poderia visitar o ex-presidente “por não ser um sacerdote consagrado”.

“Vim com muita esperança para trazer uma mensagem ao ex-presidente Lula e lamentavelmente, de forma um tanto inexplicável para mim, os funcionários da Superintendência, por uma ordem que entendi que vinha de cima, resolveram impedir a visita”, disse Grabois em entrevista a jornalistas em frente à sede da PF.

“Todos os batizados têm uma missão, são discípulos religiosos e têm uma missão a cumprir, então me surpreende que os funcionários [da PF] não saibam disso”, afirmou. Grabois disse ainda que, além do terço enviado pelo papa Francisco, deixou uma nota manuscrita para Lula.

Lula está preso desde o dia 7 de abril na Superintendência da PF em Curitiba, onde cumpre pena de 12 anos e um mês pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá.

O ex-presidente está autorizado a receber visitas para “assistência espiritual” às segundas-feiras. Segundo a PF, o direito não é exclusivo de Lula e vale desde 2015 para presos no local.

Entre os visitantes que já se encontraram com Lula para “assistência espiritual” na prisão, estão o teólogo Leonardo Boff, o religioso Frei Betto e o monge Marcelo Barros.

Em respeito a legislação eleitoral o CARIRI LIGADO não publicará os comentários dos leitores. O espaço para interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições 2018 se encerrem.