prefeitura
::Zabelê está entre os 10 municípios com melhor índice de transparência pública na PB ::Incêndio destrói loja em Monteiro ::Curta-metragem gravado no Cariri é selecionado pra Mostra nacional do SESC ::Lucélio Cartaxo tem melhora em quadro de saúde e deixa UTI ::SUMÉ: Éden confirma que disputará reeleição ::Adriano Galdino rechaça fala de Bolsonaro: “desserviço às relações federativas” ::Caminhoneiros se mobilizam após nova tabela de frete rodoviário ::Homem morre após colidir moto na traseira de caminhão no Cariri ::Governadores do NE cobram posicionamento de Jair Bolsonaro ::Programa de pós-graduação em ciências da nutrição da UFPB realiza pesquisa em Sumé Malves Supermercados

Mulher agredida por advogado em João Pessoa mentiu sobre naturalidade

(23/01/2019)

A mulher agredida pelo namorado na noite da última segunda-feira, 21, em uma pousada na Praia do Cabo Brando, em João Pessoa, pode ter mentido sobre sua real naturalidade.

Nas primeiras informações veiculadas pela imprensa da Capital, a vítima seria natural de Monteiro, porém, no decorrer das investigações ficou comprovado que a mulher seria de Ouro Velho e teria residência no município de Prata.

A mulher, de 35 anos, relatou em depoimento na Delegacia da Mulher que estava hospedada com o seu companheiro em uma pousada quando uma discussão foi iniciada. Percebendo alteração do advogado, ela decidiu sair do quarto, mas foi seguida por ele, que iniciou as agressões mais graves.

O homem acusado das agressões tem 58 anos de idade e seria advogado. A vítima relatou ainda que ele mora na cidade de Recife, em Pernambuco. Eles se relacionavam há dois anos e teriam decidido se encontrar esta semana em João Pessoa.

Vitrine do Cariri

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em Mulher agredida por advogado em João Pessoa mentiu sobre naturalidade