::Unidades Executoras das Escolas Municipais passam por capacitação em Monteiro ::Polícia desarticula desmanche de veículos roubados em Soledade ::Prefeito Éden entrega Van com 21 lugares para transporte de pacientes de hemodiálise ::Conta de luz subirá até 3,86% com reajuste de receita de hidrelétricas ::Batinga cobra ampliação do sistema de abastecimento de água de Serra Branca ::Escolas da zona rural de Sumé recebem Projeto Cultural “Interatos” ::Ricardo reúne aliados para traçar estratégias da campanha de João Azevêdo ::Homem é baleado durante tentativa de assalto em Monteiro ::PV homologa candidatura de Lucélio durante convenção dia 5 ::NO CARIRI: Suspeitos arrombam agência dos Correios e fogem sem levar nada Malves Supermercados

NO CARIRI: Polícia diz que tiro em criança não foi acidental

(15/02/2018)
NO CARIRI: Polícia diz que tiro em criança não foi acidental NO CARIRI: Polícia diz que tiro em criança não foi acidental

As informações veiculadas na manhã desta quarta-feira, 14, informando sobre um tiro acidental disparado por uma criança de 12 anos contra outra de 10 anos na cidade de Parari, teve uma versão diferenciada apresentada pela Polícia Civil.

As primeiras informações davam conta de que no município de Parari, no Cariri paraibano, uma criança de 12 anos havia atingido outra criança de 10 anos, com um tiro acidental, deixando-a em estado grave no Hospital de Traumas de Campina Grande.

No início da noite desta quarta-feira, 14, a Polícia Civil informou que na realidade duas crianças, uma de 12 e outra de 10 anos, brigaram e a de 12 anos pegou a espingarda do pai e disparou contra a outra criança, que inicialmente foi socorrido para o Hospital de Serra Branca e posteriormente removida para Campina Grande, aonde se encontra na UTI do Hospital de Traumas, em estado grave.

Ainda segundo informações, o delegado plantonista Luiz Xavier encaminhou a criança de 12 anos para o Ministério Público, mas, ainda não se sabe as providências adotadas.

Com relação ao pai da criança autora do disparo, o mesmo foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma, pagou fiança e foi posto em liberdade.

O Hospital de Trauma informou na manhã desta quinta-feira, 15, que a criança passou por um procedimento cirúrgico e seu estado de saúde ainda é considerado gravíssimo.

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em NO CARIRI: Polícia diz que tiro em criança não foi acidental