prefeitura
::Zabelê está entre os 10 municípios com melhor índice de transparência pública na PB ::Incêndio destrói loja em Monteiro ::Curta-metragem gravado no Cariri é selecionado pra Mostra nacional do SESC ::Lucélio Cartaxo tem melhora em quadro de saúde e deixa UTI ::SUMÉ: Éden confirma que disputará reeleição ::Adriano Galdino rechaça fala de Bolsonaro: “desserviço às relações federativas” ::Caminhoneiros se mobilizam após nova tabela de frete rodoviário ::Homem morre após colidir moto na traseira de caminhão no Cariri ::Governadores do NE cobram posicionamento de Jair Bolsonaro ::Programa de pós-graduação em ciências da nutrição da UFPB realiza pesquisa em Sumé Malves Supermercados

Nomeação de Tárcio é cancelada e Julian nega atrito com Bolsonaro

(05/02/2019)
Nomeação de Tárcio é cancelada e Julian nega atrito com Bolsonaro Nomeação de Tárcio é cancelada e Julian nega atrito com Bolsonaro

O deputado federal, Julian Lemos (PSL-PB), negou, nesta terça-feira (5), que a portaria tornando sem efeito a nomeação de Tárcio Pessoa para a Secretaria-Executiva do Ministério do Turismo tenha sido motivada por um pedido do filho do presidente Bolsonaro, Carlos Bolsonaro. Tárcio foi indicado pelo parlamentar para compor a equipe do Governo Federal.

De acordo com Julian, isso não passa de um factoide e garantiu que o cancelamento da nomeação de Tárcio se deu porque ele estaria sendo ‘subutilizado’ na Pasta e que o mesmo será remanejado. “Tárcio tem um grande currículo, inclusive para ser ministro”, comentou.

Tárcio foi nomeado em 25 de janeiro
A nomeação de Tárcio Pessoa foi assinada pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e constou na edição do dia 25 de janeiro do Diário Oficial da União (D.O.U); veja aqui.

Na hierarquia, a função figura como a terceira mais importante da Pasta, sendo o detentor do cargo o substituto imediato do secretário executivo Daniel Diniz Nepomuceno e do ministro Marcelo Álvaro Antônio.

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em Nomeação de Tárcio é cancelada e Julian nega atrito com Bolsonaro