prefeitura
::IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados ::Homem é assassinado a tiros em cidade do Cariri ::Governo libera R$ 5,7 mi para canal Acauã-Araçagi ::Governo autoriza pagamento de Garantia-Safra em três municípios do Cariri ::Edna Henrique defende Programa Médicos pelo Brasil e Agentes de Saúde ::Polícia registra tentativa de homicídio em Sumé ::As charges do dia… ::Após quase 15 anos, Cícero Lucena é absolvido na Operação Confraria ::​Bolsonaro anuncia saída do PSL e confirma partido Aliança pelo Brasil ::Alcolumbre deve consultar líderes sobre nova Constituinte Malves Supermercados

IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados

IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados

Com trinta anos no ar e uma das maiores potências da Paraíba, a Rádio Ind FM 107,7, em Serra Branca, será a emissora que levará ao ar o programa Hora H, com Heron Cid, das 18h às 19h, a partir do dia 2 de dezembro, para a região do Cariri paraibano e os estados de Pernambuco e Rio Grande do Norte. O anúncio foi feito na manhã desta quarta-feira pelo diretor-geral da rádio, Júnior Duarte.

Ao todo, o sinal da Ind FM alcança 120 municípios, incluindo da região da Borborema. Duarte comemorou a parceria celebrada com a Rede Mais, novo projeto do jornalista, analista político, apresentador e diretor do Portal MaisPB, Heron Cid.

“Sou um entusiasta desse projeto e acho que esse programa será um divisor de águas do formato do fazer jornalismo na Paraíba, porque será um híbrido. Cada bandeira não perderá sua identidade regional, já que o conteúdo vai manter a identidade de cada emissora. Isso, por si só, já é inovador”, enfatizou o diretor da Ind FM.

Radialista, blogueiro, consultor, executivo e publicitário com atuação no Nordeste, Júnior Duarte destacou a credibilidade e equilíbrio, marcas de Heron Cid, como diferenciais decisivos para a adesão da Ind FM à parceria de conteúdo digital e radiofônico.

“A linha editorial de Heron também garante a isenção na hora de dar a notícia, já que ele não está a serviço de ninguém. “Acredito muito em Heron e acho que ele é uma ‘grife’ do jornalismo da Paraíba. Estou muito otimista e acho que vamos escrever um novo capítulo na jornalismo paraibano”, exclamou.

Ind FM: potência e alcance diferenciados

Encravada no coração do Cariri paraibano, a Ind integra o seleto grupo das rádios mais potentes do Estado. Ela tem mais de três décadas no ar e sinal que irradia para três estados: Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. No total, são 120 municípios receberão programa Hora H, já que a emissora de rádio também alcança a região da Borborema.

Ao falar do novo programa, que leva o selo de Heron Cid, Júnior Duarte não escondeu o otimismo. “A expectativa é que seja um sucesso absoluto. Ele vai repetir o sucesso de outras emissoras, só que com um diferencial: agora ele vai falar para todo o Estado. Não tenho dúvidas que ele vai comandar o horário e vai ser o campeão de audiência”, previu.

Hora H

O programa Hora H, novo projeto do jornalista Heron Cid, tem estreia programada para o próximo dia 2 de dezembro. A atração leva ao ar a marca que consagrou o jornalista: informação com agilidade, opinião com credibilidade, equilíbrio, firmeza na condução e paixão pelo rádio.

Formado pela Universidade Federal da Paraíba em Jornalismo, desde 2007 Heron Cid atua como analista político e apresentador no rádio, na televisão e na internet, setor onde fundou o Portal MaisPB, um dos mais influentes, acreditados e acessados da Paraíba.

Rede Mais

Hora H é o primeiro conteúdo da Rede Mais, uma plataforma autônoma e híbrida que reúne jornalismo digital e rádio, com conteúdos personalizados e exclusivos para emissoras parceiras. A cobertura diária do Portal MaisPB e sua equipe de jornalistas, repórteres, produtores e editores de áudio e vídeo será adaptada para uma rede de conteúdo para rádios via plataforma digital.

MaisPB

Homem é assassinado a tiros em cidade do Cariri

Governo libera R$ 5,7 mi para canal Acauã-Araçagi

Banner educação

Governo autoriza pagamento de Garantia-Safra em três municípios do Cariri

Edna Henrique defende Programa Médicos pelo Brasil e Agentes de Saúde

IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados

O Plenário da Câmara dos Deputados votará a medida provisória que cria o programa Médicos pelo Brasil, em substituição ao Mais Médico (MP 890/19). O objetivo é ampliar o atendimento em locais afastados ou com população de alta vulnerabilidade.

Durante pronunciamento na Tribuna da Câmara, nesta terça-feira (12), a deputada Edna Henrique (PSDB-PB) adiantou seu voto a favor da MP que institui o Programa no âmbito da atenção primária à saúde no Sistema Único de Saúde (SUS), e que tem como meta ampliar a colaboração das instituições de ensino públicas e privadas na aplicação do Revalida (prova) e assegurar a uniformidade da avaliação em todo o território nacional.

“Acredito que as pessoas mais necessitadas, ou seja, aquelas que moram nos municípios mais longínquos, os ribeirinhos, os quilombolas, os índios, enfim, os mais carentes da nossa atenção e cuidado, serão os mais beneficiados por esse programa, pois facilitará o acesso dos médicos nesses lugares, além de valorizar esses profissionais e incentivar a maior qualificação e participação deles nas camadas mais necessitadas de saúde”, disse Edna Henrique.

A parlamentar afirmou que é um avanço para a saúde pública de todo o Brasil. “Na Paraíba há uma aceitação positiva dos profissionais de saúde em relação a esse programa e uma boa expectativa que ele venha suprir as demandas dos municípios paraibanos o mais breve possível segundo nota do Conselho das Secretarias de Saúde”, pontuou a deputada.

Lançamento da Frente Parlamentar em Defesa dos Agentes de Saúde

Foi lançada nesta terça-feira (12) a Frente Parlamentar em Defesa dos Agentes Comunitários de Saúde. O ato de lançamento aconteceu no espaço Mário Covas, na Câmara dos Deputados. Na ocasião, também houve a abertura de exposição sobre os agentes comunitários de saúde. A deputada Edna Henrique prestigiou o evento e destacou o seu incentivo à Frente Parlamentar em Defesa dos ACSs, que tem por finalidade reconhecer e proteger os direitos dos agentes que estão, dia após dia, lutando pela saúde pública das cidades.

“Durante minha gestão como prefeita de Monteiro, presenciei de perto os desafios enfrentados por essa classe. E agora, como deputada federal, luto para garantir leis que proporcionem melhores condições de trabalho a esses profissionais, que merecem a nossa profunda gratidão e respeito”, pontuou Edna.

A deputada é autora do PL 4367/2019, cujo objetivo é permitir que os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate às Endemias (ACE) possam acumular o exercício de suas funções com o desempenho de atividade na área de saúde, desde que haja compatibilidade de horários e seja observada a prioridade para o exercício do cargo de Agente Comunitário de Saúde e de Agente de Combate às Endemias.

Polícia registra tentativa de homicídio em Sumé

As charges do dia...

Banner Câmara

Após quase 15 anos, Cícero Lucena é absolvido na Operação Confraria

​Bolsonaro anuncia saída do PSL e confirma partido Aliança pelo Brasil

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta terça-feira (12) a saída do PSL. Ele confirmou a criação de um partido chamado ‘Aliança pelo Brasil’.

A decisão ocorreu em reunião com parlamentares no Palácio do Planalto, na tarde desta terça-feira.

De acordo com O Globo, as informações foram passadas pelos deputados Daniel Silveira (PSL-RJ) e Bia Kicis (PSL-DF), que participaram da reunião com Bolsonaro nesta tarde.

Segundo Bia Kicis, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) já entregou inclusive o pedido de desfiliação ao Tribunal Superior Eleitoral.

A expectativa é que em torno de 30 parlamentares acompanhem o presidente. A primeira reunião da futura legenda vai acontecer no próximo dia 21.

Alcolumbre deve consultar líderes sobre nova Constituinte

IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados

O presidente do Senado e do Congresso, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou nesta terça-feira que irá conversar com os líderes sobre uma nova Constituinte, em meio à discussão sobre a presunção de inocência e a possibilidade de prisão de condenados em segunda instância.

Mais cedo, questionado sobre sua posição a respeito da prisão após condenação em tribunal colegiado, Alcolumbre já havia sugerido a formação de uma Constituinte. Repetiu a sugestão depois, quando jornalistas insistiram no assunto.

“Muita gente está falando em relação se é ou não cláusula pétrea, a mudança da emenda constitucional em relação à questão da segunda instância”, disse o presidente do Senado e do Congresso Nacional a jornalistas, acrescentando ter conversado com diversos consultores, apontando que há uma “divergência enorme” sobre o tema, com grandes riscos de ser judicializado.

“Quando eu falei para vocês mais cedo em relação a propor uma nova Constituinte, eu acho que há muitos anos — estou há 19 anos aqui no Parlamento —, há muitos anos volta e meia o debate da Constituinte vem à tona no Congresso Nacional”, explicou.

“Então, se há novamente esse impasse, se há novamente essas observações e esses conflitos, novamente eu quero trazer o debate da nova Constituinte para esse momento importante da história nacional.”

Alcolumbre negou irritação ou que esteja reagindo a alguma pressão, reafirmando que falava sério quando fez a “sugestão” de conversar com líderes sobre a Constituinte.

“Como volta e meia esse debate surge no Parlamento, e como agora há um caso concreto, eu quero também ouvir os líderes partidários sobre a possibilidade de fazermos isso. Lógico, conversando com todos os atores do Parlamento.”

AMCAP reunirá prefeitos e vereadores do Cariri para tratar sobre a PEC que propõe extinção dos municípios

Banner Ecos TV

Deputados da PB e de PE se reúnem para traçar ações conjuntas em relação às obras da transposição

Monteirenses se destacam em evento sobre computação no Distrito Federal

Aos navegantes...

SECA: Monteiro implanta maior programa de recuperação de poços da história do município

IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados

A prefeita de Monteiro, Anna Lorena, atendendo uma das principais reivindicações da população da zona rural e que foi considerada ação prioritária no enfrentamento à estiagem, determinou a recuperação de todos os poços públicos existentes no município.

O maior município do estado em área territorial, possui 412 poços, espalhados em quase 1 mil Km² de extensão, nas 55 associações das comunidades rurais, que têm como única fonte de recurso hídrico através de eletrobombas e cataventos para uso geral e carro pipa para consumo humano.

As ações fazem parte do programa “MAIS ÁGUA NO CAMPO” e visa suprir a necessidade de recursos hídricos de todas as residências da zona rural, bem como de todas as pequenas propriedades rurais com a oferta de serviços de abastecimento de água de qualidade para consumo humano, água para uso comum, dessedentação animal e irrigação de sistemas produtivos agroecológicos consorciados.

Segundo o secretário de agricultura, Alfredo Viana, somente no mês de outubro, foi realizado o conserto de eletrobombas nas comunidades Barreiros (Zé de Bé – Gena), Serrote de Cima (Valdim), Alto da Bela Vista e na Praça de Alimentação da zona urbana.  

Na zona rural, foram realizados serviços de manutenção em 40 poços movidos a catavento, com a troca de adaptadores, registros, cabeças, sola, anilhas, varetas de guia, cilindros, niples, joelhos, reduções e cordões de gaxeta, nas comunidades de Amaro, Aroeiras, Barreiros, Bredos, Cacimbinha, Catolé, Curupaiti, Gameleira, Garapa, Gerimum, Lagoa grande, Marinheiro, Minador, Morcego, Pau D’arco, Pitombeira, Queimadas, Riacho do meio, Rigideira, Tamanduá, Tanques, Timóteo e Umburana.

Banner Prata

Lula se diz feliz com volta da Transposição

IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados

O ex-presidente Lula gravou um vídeo direcionado à Paraíba, nesta terça-feira (12), e comemorou o bombeamento da água da Transposição para o estado, que estava suspenso desde agosto para intervenções estruturantes em uma barragem do Eixo Leste do projeto hídrico.

O rebombeamento da água é atribuído à passagem do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ontem por Campina Grande, uma das cidades mais beneficiadas com ás águas do Rio São Francisco. Em Campina, Bolsonaro inaugurou o Complexo Residencial Aluízio Campos.

Entretanto, sem citar nomes, Lula disse que não se importa com quem mandou ligar os equipamentos. Para ele, o importante é que, mas que estará chegando ao Estado.

“Eu leio com muita tristeza que pararam as obras, deixaram de bombear a água para Campina Grande. As pessoas que procedem assim, não sabem o que é para nós nordestinos a água”, disse Lula acrescentando: “Se a água está chegando, eu voltei a sorrir. Eu não sei quem foi lá, mas, só o fato de ter mandado ligar a água eu acho que fizeram a obrigação e que o povo nordestino volte a sorrir e volte a ter esperança”, declarou Lula.

Ainda no vídeo, Lula contou o caso mais marcante na sua vida durante as suas campanhas políticas na Paraíba. De acordo com ele, em um comício na cidade de Sousa, no Sertão do paraibano, ele avistou uma mulher com uma criança do braço e pensou que ela estava pedindo esmola, mas na verdade, queria dinheiro para enterrar o filho que estava morto.

“Na Paraíba foi uma coisa que me marcou profundamente”, disse Lula que também falou de sua proximidade com o Estado e com o Nordeste.

“Sempre tive uma relação extraordinária e um respeito pelo povo da Paraíba e eu queria dizer para vocês que o povo nordestino é predestinado a lutar muito. Para nós, a luta é quase que o ar que a gente respira”, afirmou.

No vídeo, Lula aparece ao lado do ex-governador Ricardo Coutinho, que fez a primeira visita ao petista após sua soltura na última sexta-feira (8), após o Supremo Tribunal Federal (STF) decidir por 6 votos a 5 que condenados em segunda instância não podem ser presos antes do trânsito em julgado.

Neste domingo (17), o petista fará sua primeira visita ao Nordeste após ter sido solto. Ele  participará do ‘Festival Lula Livre’, em Recife (PE).

Justiça mantém Ivan Burity em prisão preventiva

IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados IND FM levará Hora H, com Heron Cid, ao Cariri e mais dois estados

O juiz convocado Miguel de Britto Lyra Filho negou pedido formulado pela defesa de Ivan Burity para substituição da prisão preventiva contra ele, decretada no dia 7 de outubro, por medidas cautelares diversas. Ivan é investigado na Operação Calvário e apontado como intermediador de esquema de propina no âmbito da Secretaria de Educação e da Secretaria da Ciência e Tecnologia do Estado. Cabe recurso da decisão.

Na decisão o juiz destacou as informações trazidas por um dos investigados Leandro Azevedo, que tem colaborado com o processo. De acordo com o seu relato, Ivan Burity tinha diversos contratos com fornecedores, a exemplo de fardamentos e livros, na Secretaria de Educação, fazendo a intermediação com as empresas, uma delas a Brink Mobil, a respeito do valor a ser acertado.

“Restaram narrados vários supostos eventos de pagamento de propina envolvendo Ivan Burity, havendo a peça cautelar transcrito os depoimentos do colaborador, nos quais este relata, detalhadamente, as supostas entregas de dinheiro realizadas pelo referido investigado”, afirmou o juiz, acrescentando que “o apontado crescimento patrimonial de Ivan indicaram, em princípio, um lucro mensal incompatível com a remuneração de Procurador do Estado e de secretário adjunto, fato que poderia estar atrelado à suposta mercância de contratos no âmbito da Educação”.

Ainda conforme o juiz, existe necessidade de que Ivan seja mantido em prisão preventiva para fins de garantir a ordem pública tendo em vista a gravidade dos fatos delitivos praticados, bem como a periculosidade do investigado e o risco de reiteração delitiva.

Caixa reduz para 4,99% a taxa de juros do cheque especial

TRANSPOSIÇÃO: Bombeamento das águas do Rio São Francisco é retomado

MONTEIRO: Programa “Mais Sorrisos no Campo” chega à comunidade do Sítio Garapa

[+]   POSTAGENS