::Prestação de contas: TCE-PB imputa débito de quase R$ 9 milhões a ex-prefeito do Cariri ::Lula segue PT Nacional, grava vídeo e pede votos para Ricardo Coutinho a prefeito da Capital ::Bolsonaro revoga decreto sobre privatização de postos de saúde do SUS ::Secretaria Municipal de Saúde de Monteiro informa que não há novos casos de covid nesta quarta ::Justiça Eleitoral condena candidato à reeleição em Barra de São Miguel a pagar multa de R$ 20 mil por usar ‘paredão de som’ ::Agora é lei: planos de saúde estão proibidos de suspender serviços por inadimplência durante estado de calamidade ::OAB mantém posicionamento de reserva à prestação de serviços jurídicos por estrangeiros ::DIREITO DE RESPOSTA: Juiz acolhe embargos e defere registro de outros 13 candidatos a vereador em Monteiro ::Ouro Velho confirma mais quatro casos de Covid-19 ::Concurso da Fundac-PB tem novo cronograma Malves Supermercados

Auxílio emergencial: R$ 30 milhões foram pagos indevidamente a 2 mil pessoas na PB

(07/07/2020)
Auxílio emergencial: R$ 30 milhões foram pagos indevidamente a 2 mil pessoas na PB Auxílio emergencial: R$ 30 milhões foram pagos indevidamente a 2 mil pessoas na PB

Um levantamento da Controladoria Geral da União (CGU) aponta que cerca de R$ 30 milhões foram pagos para pessoas que não tem direito ao auxílio emergencial na Paraíba. Segundo a CGU, quem recebeu os valores indevidamente poderá ser processado por falsidade ideológica.

De acordo com o superintendente da CGU na Paraíba, Severino Queiroz, cerca de 2 mil paraibanos teriam sido beneficiados pelo auxílio emergencial sem ter o direito. A CGU, através de um monitoramento de dados, listou as pessoas que teriam fraudado o patrimônio para poder receber o auxílio.

Os nomes de quem recebeu o benefício mesmo possuindo patrimônio será encaminhado para a Polícia Federal e o Ministério Público, que poderão processar os envolvidos por falsidade ideológica.

Ainda conforme a CGU, quem recebeu irregularmente os R$ 600 poderá devolver o dinheiro acessando o site Devolução de Valores do Auxílio Emergencial do Ministério da Cidadania.

Faça seu comentário



Possui atualmente : Nenhum comentário em Auxílio emergencial: R$ 30 milhões foram pagos indevidamente a 2 mil pessoas na PB