::Monteiro não regista novos casos de covid neste domingo ::Prefeito Éden Duarte entrega área de lazer para Distrito de Pio X ::Polícia prende na região do Cariri dupla que roubava linha férrea ::Paraíba atinge a marca de duas mil mortes por Covid-19 ::Prefeita de Monteiro parabeniza monteirenses pelo dia dos pais ::Filho do Deputado João Henrique é sondado para compor chapa em João Pessoa ::Bolsonaro é condenado a pagar R$ 2,6 mil a Jean Wyllys ::Presidente do STF é internado com pneumonite alérgica ::Brasil supera 100 mil mortes pela Covid-19 ::Governo da Paraíba já investiu mais de R$ 177,9 mi para o enfrentamento à Covid-19 Malves Supermercados

COLUNA CARIRI – Por Geordie Filho

(01/08/2020)

DISPUTA DAS SAIAS

O município de Monteiro vai vivenciar uma eleição quente este ano, com a disputa entre as pré-candidatas Lorena de Dr. Chico e Micheila Henrique. De um lado, a atual prefeita Anna Lorena tem focado no trabalho e principalmente na guerra ao coronavírus, mas politicamente tem contado com o apoio do governador João Azevedo, maioria dos vereadores, lideranças políticas e correligionários. Do outro lado, a pré-candidata Micheila Henrique, filha dos deputados João Henrique e Edna Henrique, tenta recuperar o poder que sua família teve à frente da Prefeitura ao longo de 8 anos, quando sua mãe foi prefeita, mas sem o apoio da maioria dos aliados que fizeram parte das gestões de seu grupo político, já que a maioria preferiu ficar dando suporte a gestão de sua adversária, Anna Lorena. Uma coisa é certa, a disputa vai ser bonita de ver.

EM OURO VELHO

Na cidade de Ouro Velho, ao que tudo indica, o pré-candidato do grupo político do médico Dr. Júnior será mesmo o advogado Augusto Valadares. Os vereadores que acompanham a prefeita Natália Lira seguem a orientação e devem apoiar o nome de Augusto para a cabeça de chapa. O vice ainda não foi definido. A oposição ainda não definiu nomes para bater de frente com o grupo de Dr. Júnior.

POR UNANIMIDADE

O presidente da Câmara Municipal de Monteiro, Cajó Menezes, teve sua prestação de contas de 2019 aprovada pelo TCE. A decisão, por unanimidade, ocorreu esta semana e deixou claro que a gestão de Cajó à frente da Casa José Ferreira Tomé ocorreu de forma honesta e transparente.

DUPLA QUE DEU CERTO

Os caririzeiros Víctor Paiva e Lázaro Farias estão dando um show à frente do programa Correio Debate, da Rádio 98 FM. Dois radialistas que orgulham muito a região, no programa de maior audiência da Paraíba, numa cadeia de emissoras de rádios que chega a praticamente todos os municípios do estado.

PRECOCE PARTIDA

O Cariri perdeu muito com a morte precoce do deputado Genival Matias, lá de Juazeirinho, ocorrida dias atrás em decorrência de um mal súbito. Político em ascensão, percorria todas as esferas, seja na situação quanto na oposição. Isso não sou eu que digo, e sim seus colegas de labuta. Com a partida de Genival, o único caririzeiro que ocupa cargo na atual legislatura da Assembleia Legislativa, é o deputado João Henrique. A coluna registra o pesar.

XÔ COVID

Esta semana todos os funcionários do Tribunal de Justiça da Paraíba lotados no Fórum de Sumé fizeram o teste para Covid-19, sem nenhum caso positivo. De acordo com informações, os cuidados redobrados continuam sendo adotados para evitar que o vírus chegue a atingir qualquer funcionário.

PRA DESCONTRAIR

Na década de 90, um grande circo chegou a cidade de Monteiro e era a principal atração de toda a região caririzeira. O popular Léo Batata, conhecido por todos na cidade por ser pegador de ar, assistia as apresentações toda semana, na primeira fila. Era o primeiro a chegar. Foi quando um gaiato chegou antes da apresentação e ofereceu um trocado ao palhaço e outro ao trapezista para que tirassem uma onda com Léo. Ofereceram alguns cruzeiros para que fizessem com que Léo pulasse no trampolim e ficasse ao menos 10 segundos segurando sem cair na rede de proteção. Depois de tudo acertado sem que Léo soubesse, o espetáculo começou. O palhaço atiçou tanto, ofereceu meio mundo de dinheiro, e Léo aceitou o desafio. Mais de 300 pessoas gritando: pula Léo, pula Léo. O detalhe: antes de tudo, o palhaço passou graxa no ferro de apoio do trapézio para que ficasse escorregadio. Todo empolgado e crente que iria sair do circo cheio de dinheiro após cumprir o desafio, Léo pulou, mas quando tentou segurar no trapézio, escorregou
e caiu na rede de proteção para o delírio da galera do respeitável público que o assistia. A rizada tomou conta, a pegada de ar foi grande, umas pileras foram ouvidas por todos, e até os dias atuais nunca mais Léo Batata entrou em outro circo.

PICADINHAS…

Mortes com força ainda por causa do coroonavírus, Bolsonaro ainda fazendo de conta que é uma gripezinha e o povo já acostumou com tudo isso.

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, bateu pino e decidiu cancelar a festa de São João que havia adiado para outubro.

Perguntaram ao vereador Courão se ele iria ser candidato a reeleição em Monteiro. De pronto, respondeu: vou ser mais uma vez de novo novamente.

Dalyson Neves, de Zabelê, feliz da vida porque o TCE aprovou as contas de sua gestão à frente da Prefeitura.

Falando em Zabelê, Fernando cabeleireiro tá engordando um bode para comermos quando a Covid for embora.

Soube que meu amigo Dr. Roberto di Carli trocou as pescarias pelo tiro esportivo. Faciço não!

Soube ontem que o deputado Wellington Roberto destinou em emendas, só este ano, mais de R$ 15 milhões para Monteiro. É o fraco!

A PRF proibiu que as prefeituras fizessem barreiras sanitárias nas entradas das cidades que tem acesso pela BR’s. No Cariri, onde pega a BR-412, as barreiras estão sendo nas esquinas.

Isso só pode ter o dedo do bozo.

Segundo Tião Lucena, hoje por ser sábado, é dia de três M. Mé, mulé e moté.

Falando em moté, um radialista de São Paulo fez um comentário com o caso do motel da banheira de Monteiro. Tá rodando nas redes sociais. A banheira mais famosa do país.

Eita Monteiro véi. Pinto do Monteiro fosse vivo já teríamos causos sobre a banheira.

O amigo Adriano Wolff junto com Chico Mariano, segurando só gente boa no grupo lá em São Sebastião do Umbuzeiro.

O DEM, através de Felisardo Moura, tentou calar o Cariri Ligado, movendo uma ação eleitoral contra o site. Deu errado.

Bateu saudade das crônicas de Sérgio Bezerra.

Findando por aqui, até sábado que vem.

Faça seu comentário



Possui atualmente : 2 comentários em COLUNA CARIRI – Por Geordie Filho


  • “A Polícia Rodoviária Federal, através da Superintendência Regional, comunicou neste domingo (31) à Prefeitura de Sumé, a impossibilidade do município realizar barreiras sanitárias na BR 412.

    A PRF declarou que entende a importância do município em somar esforços para enfrentamento à Covid-19, mas não recomenda tais barreiras na BR. Para a realização das barreiras seria necessária a presença da PRF, considerando que o município de Sumé é cortado pela Rodovia Federal 412.

    A PRF informou que no momento, há em execução, 8 barreiras sanitárias nos limites com os Estados do Rio Grande do Norte, Pernambuco e Ceará, onde policiais rodoviários se fazem presentes. Somadas às demais atribuições que são executadas cotidianamente pela PRF, como os atendimentos aos acidentes, enfrentamento aos crimes e as fiscalizações de normas de trânsito, não há equipe suficiente na Polícia que possa atender a demanda do município de Sumé.” Fonte portal da prefeitura de Sumé

  • Mais que provado: #BolsonaroTemRazão
    Continue chamando o Presidente de Bozo, enquanto vc faz papel de palhaço.